segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Lembranças do passado!


Mente e coração

Minha mente que tanto idealizara, temeu
Meu coração que queria simplicidade encontrou o ideal da mente
Talvez seja isso que aconteceu.
Talvez esse seja o erro.

Eu sei que não,
mas prefiro crer que sim.
Só para me manter assim,
em uma calma frustrante
Sem sua voz colérica.

Sem ela que me lembra que também estou vivo,
que também sei amar.
Que faço parte de uma vida, e não apenas a observo passar.

Não tenho mais a escolha,
nunca a tive
Afinal, sempre esperei que você escolhesse por nós.

Não arrependo-me,
Não é de meu feitio, bem sabe.
Apenas sinto saudades.
Saudades das tardes macias, ouvindo sua voz.
O pôr do sol esquentando nossas recentes desculpas,
Banhadas as lágrimas de dois corações presos pelos grilhões da mente.
JBC
Nada melhor que criar após um bloqueio.Ufa, pensei que ele nunca ia passar.Gostei muito desse poema.Fato.

2 comentários:

Tudo e Nada disse...

nossa isso sim e um poema viu..desbloqueou total!!!parabéns!

Nell disse...

Tão lindo !
Você se importa se eu ficar sem palavras ?! ^^
'Apenas sinto saudades.'