sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Sobre a aprendizagem terrena

Eu aprendi...
...que ignorar os fatos não os altera;

Eu aprendi...
...que quando você planeja se nivelar com alguém, apenas esta permitindo que essa pessoa continue a magoar você;

Eu aprendi...
...que o AMOR, e não o TEMPO, é que cura todas as feridas;

Eu aprendi...
...que ninguém é perfeito até que você se apaixone por essa pessoa;

Eu aprendi...
...que a vida é dura, mas eu sou mais ainda;

Eu aprendi...
...que as oportunidades nunca são perdidas; alguém vai aproveitar as que você perdeu.

Eu aprendi...
...que quando o ancoradouro se torna amargo a felicidade vai aportar em outro lugar;

Eu aprendi...
...que não posso escolher como me sinto, mas posso escolher o que fazer a respeito;

Eu aprendi...
...que todos querem viver no topo da montanha, mas toda felicidade e crescimento ocorre quando você esta escalando-a;

Eu aprendi...
...que quanto menos tempo tenho, mais coisas consigo fazer.
(Boa noite , Amor )
William Shakespeare

Mais um lindíssimo poema do sintetizador da vida. Ando sem ideias, por isso deixo esse poema que falaria muito mais do que eu conseguiria dizer.

3 comentários:

Tassyane Américo disse...

Lindo! Muito lindo!
Fiquei muito feliz em receber uma visita tua.

Um beijão e, muita inspiração pra ti!

Flor de Maio disse...

Adorei o texto, não conhecia.Te achei na blogagem coletiva, vou te seguir.SE quiser visitar meu cantinha fique a vontade:http://brisadaprimavera.blogspot.com/

é muito bom compartilhar textos na net, só assim temos a oportunidade de descobrir belos textos que sempre serão contemporâneos....nem tudo é original, afinal somos todos partes de um todo e os pensamentos acabam se encontrando!

Eu, Damaris, para mim... disse...

Oi Jeff!
Vim retribuir a visita e adorei seu blog...As cores, as imagens e as palavras. O sentimentos. Amo os sentimentos...
Voltarei.