sábado, 25 de dezembro de 2010

O Natal

Essa data às vezes me é estranha. O motivo disso é muito claro para mim. Ao que parece quando chega esse dia - cuja única explicação que encontro para o que acontece é magia - todos são imbuídos de sentimentos grandiosos de amor, compreensão e bondade. Sinto que o mundo inteiro parece sentir em seus corações a alegria que lhes fugiu durante o ano, os fazem conciliar problemas difíceis.
Esse dia parece ser dedicado a união, ainda que nem todos se unam. Um dia dedicado a paz, ainda que nem todos estejam em paz. um dia dedicado ao amor, ainda que nem todos saibam amar. Só que nesse dia tudo parece ser possível, talvez pelo fato de se estar junto, talvez por receber mensagens otimistas ou até mesmo por receber apenas um telefonema.
Esse dia tem um cheiro doce, e ainda que chova parece ter uma luz infinita que se impõem sobre a escuridão, que lava nossa alma das impurezas ou ao menos as escondem, e por vinte e quatro horas somos afáveis ainda que xinguemos. Saudosos do passado melhor e ainda viventes do presente e aspirantes a um futuro próximo e outro distante. Esse dia parece nos preparar para o Ano Novo, e essas datas em conjunto formam uma paz de espírito que ioga nenhum seria capaz de dar. Acho que é por isso que as pessoas desejam Boas Festas, porque sem nem mesmo música se torna uma festa.
Por isso eu gostaria de desejar o de sempre, mas é o de sempre do meu jeito único, do único jeito que posso dizer. Muitas realizações, muita paz, muito "tudo de bom".
Enfim, um Feliz Natal!

Imagem retirada do site ops

7 comentários:

Shuzy disse...

Bonito teu jeito de falar sobre o Natal...

E, quanto ao meu blog, por lá, os melhores textos são os tristes, acho que sofrer me inspira... Esse é o lado bom.

lolipop disse...

Gostei muito mesmo dessa sua descrição do lado mágico e doce do Natal.
Espero que o seu tenha sido cheiiinho de carinho e que esse calor se prolongue pelo ano vindouro.
Beijo grande

Aline Moschen disse...

" Um dia dedicado a paz, ainda que nem todos estejam em paz. um dia dedicado ao amor, ainda que nem todos saibam amar. "
Lindo.

Paula Figueiredo disse...

Olá Jeff! É tão bom sentir o espírito do Natal em nossos corações! Que esse energia se mantenha por todo 2011. Abraço!

E vamos confiar na RENOVAÇÃO! :)

Teresa Cristina disse...

Que bom que esse dia existe! Jeff, tudo de bom para vc e muito amor nos outros dias do ano. Um grande abraço, adorei a sua reflexão!

Flor de Maio disse...

Olá, adorei a postagem Jeff! como natal já passou deixo meus votos de um 2011 cheio de saude e paz!!!!um abraço, SAmira

nell disse...

ê saudades que eu estava daqui ! C:
o blog continua lindo e os seus textos cada vez melhores.

que essa ano que começa seja cheio de um bocadão enorme de grande de coisas bonitas e que rendam muitos textos *-*